Notícias

Meia é reintegrado e CAP repatria atacante campeão do Módulo II

13/01/2018 às 10:00

(Foto: Renato Oliveira)

Na quinta-feira (11) o meia Paulinho Lepeti deixou o grupo do Clube Atlético Patrocinense (CAP). O jogador pediu dispensa do time grená, a diretoria não aceitou sua solicitação, e mesmo assim Lepeti foi embora. Segundo o diretor Diogo Cunha, provavelmente o meia estaria passando por problemas pessoais, embora a informação que chegou à Difusora 95 foi a de que ele estaria indo para o Batatais, clube do interior paulista que teria que ressarcir o CAP. Como não houve acordo entre as partes envolvidas no negócio, Lepeti voltou atrás e pediu para ser reintegrado. A diretoria e a comissão técnica do clube resolveram dar mais uma chance ao meia. Assim, ele se reapresenta na segunda (15).

Por outro lado, a diretoria anunciou a contratação de um velho conhecido dos torcedores grená, o atacante Emerson Borges, de 23 anos, campeão do Módulo II de 2017 atuando pelo CAP. O jogador estava no CAP Uberlândia, mas desde novembro já vinha conversando com a diretoria do time de Patrocínio, e o acordo foi selado na manhã de ontem (12). A apresentação foi rápida, aconteceu na parte da tarde após treino feito no campo do Ferroviário. O atacante, inclusive, realizou as atividades com os demais jogadores do elenco. De acordo com Diogo Cunha, Borges apresenta uma característica de recomposição muito importante nos momentos sem a bola, e pode se encaixar no esquema tático do técnico Rogério Henrique.

Provável time da estreia

Após o trabalho realizado no estádio Assis Filho, o técnico Rogério Henrique teve uma longa conversa com o time que começou a partida da última quarta contra o Itumbiara, e também, com o zagueiro Diego Borges, que retorna a equipe titular depois de ficar de fora do amistoso por questões físicas. O papo durou aproximadamente 40 minutos e depois o grupo foi liberado, bem como os demais atletas. É provável que para a estreia contra o América, Rogério irá repetir o time que começou o amistoso de quarta-feira, com a entrada na zaga de Borges no lugar de Juninho. Então, a equipe tende a ser composta por: Neguetti, Ângelo, Diego Borges, Rodolfo Mol e Nilo; Mario César, Bruno Moreno, Leomir e Juninho Arcanjo; Ademir e Gênesis.

Mas, tudo pode mudar, já que serão realizados mais três treinamentos antes da viagem até Belo Horizonte, onde o CAP joga dia 17.

Renato Oliveira