Notícias

Reunião entre órgãos de segurança, Secretaria de Esportes e diretoria do CAP mantêm vetos de rádios e outros objetos na entrada do estádio

02/02/2019 às 12:26

Às vésperas de jogos do Clube Atlético Patrocinense em casa pelo Campeonato Mineiro são realizadas reuniões entre os envolvidos diretamente no evento. E nesta sexta-feira (01) foi realizado uma nova reunião, onde a diretoria do CAP fez algumas ponderações junto ao comando do 46º Batalhão da Polícia Militar.

O presidente do Patrocinense, Maurício Cunha, explicou que o bar vai funcionar normalmente no espaço onde foi montada a estrutura na quarta-feira (30), quando não houve torcedores do Tupynambás, e segundo ele, esse local foi mantido uma vez que não virão torcedores do time adversário.

Quanto a entrada de torcedores, Maurício informou que as catracas na portaria serão duplicadas para que agilize a entrada. Ainda serão realizadas as buscas pessoais em todas as pessoas, independentemente da idade e mais uma vez não será permitida a entrada de rádios de outros objetos como guarda-chuvas e capacetes.

O comandante do 46º Batalhão, Tenente Coronel Jabes Campos, ressalta que o trabalho da Polícia Militar é realizado dentro do que preconiza a Lei, uma vez que objetos que possam ser arremessados dentro do campo de jogo serão vetados a entrada para evitar problemas. Ele reforça que o torcedor que queira ouvir o jogo, que possa levar o celular com um fone de ouvido, já que ele entende que como esse aparelho é de um valor maior, a pessoa vai pensar duas vezes antes de arremessar o mesmo contra alguém.

Renato Oliveira/Difusora 95

Compartilhe com seus amigos